3 Oportunidades promissoras no mercado de educação.

June 10, 2018

O setor educacional é um dos que mais cresce no Brasil, possui um caminho promissor para quem deseja empreender nessa área. São diversas as possiblidades de trabalho que surgem a cada nova metodologia ou prática educativa. No entanto, a rapidez desce crescimento todo dificulta à empreendedores ter uma visão clara sobre os reais nichos de investimentos existentes na área.

 

 Imagem Freepik

 

 

Portanto, após algumas pesquisas nesse vasto mercado, selecionei 3 oportunidades de trabalho que estão em alta e demonstram ser promissoras no momento de investir em educação.

 

1. Educação a distância

Esse é um dos principais setores em educação que apresenta vasta oportunidade. O forte crescimento de cursos online em suas mais variadas formas de apresentação tem gerado necessidade de novos profissionais no mercado, como Designers, video makers, locutores, programadores, ilustradores, e os próprios profissionais da educação capacitados para esse setor. Um universo de tecnologias são desenvolvidas e aplicadas diariamente para oferta de ensino com metodologias virtuais distintas acaba por incentivar startups e empresas de programação e criação a colocarem mais produtos tecnológicos à disposição da mercado da educação virtual. Um dos fortes exemplos de empreendimento que cresceu consideralvemente nos últimos anos devivo investimentos em educação a distância é o Portal Geekie, que impactou mais de 3 milhões de alunos através de uma tecnologia de esnino que promove aprendizagem personalizada, tudo isso em parceria com Ministério da Educação.

 

2. Neuroeducação

Nunca se falou tanto em neurociência como no ano de 2018, e olha que o ano ainda nem acabou. Essa ciência atual queridinha no mundo da educação tem como conceito básico o estudo das regiões cérebrais no momento da aprendizagem, de forma a ser possível determinar quais os estímulos ideais a serem aplicados para determinada aprendizagem conforme as funções biologicas cerebrais. Ainda é uma ciência muito nova e carece de estudos na área, o que deixa uma grande porta aberta para estudos e aplicações na área. Esse avanço ciêntico da neurociência na educação representa um universo de questões que não devem ser ignoradas. Mesmo que esse estudo acabe se voltando para as séries iniciais e o estudo fundamental, a melhor idade para que ocorra o estímulo cerebral, desenvolver metodologias nessa área é simplesmente fantástico.

 

3. Gameficação

Foi a época em que ficar o dia todo no "video game" era prejudicial aos estudos. Agora podemos dizer que a geração Atari nos deixou um forte legado, que são os games. E é exatamente esse recurso tecnológico quando aliado às metodologias de ensino tem se mostrado cada vez mais eficaz durante os processos de ensino e aprendizagem. Toda essa sofisticação instrucional através de gráficos e funções telemáticas tem sido aplicadas principalmente em treinamentos corporativos e acabam por exigir do mercado educacional, profissionais que tenham conhecimento em setores específicos para esse modelo educativo. São designers instrucionais, programadores em games e até os tão famosos games testers que passam horas do seu dia somente jogando. E se engana você se acha que os games só valem se programados com gráfico de alta resolução, uma cruzadinha virtual aplicada como exercício didático também faz parte da gameficação educacional.

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

A Transição da Educação e a Reinvenção da Prática em Sala de Aula

February 12, 2019

1/4
Please reload

Posts Recentes
Please reload

Procurar por tags