Conheça a LXP - a evolução das plataformas LMS.

A internet mudou a maneira como lidamos com o mundo, modificando comportamentos e mercados.

 

No mundo da aprendizagem não foi diferente. Como sabem a tecnologia cria softwares para tornar tudo mais prático e acessível. Quanto mais temos acesso a um equipamento com internet mais acessibilidade e usabilidade este equipamento possui.
 

Assim surgiram as plataforma LMS e LXP criadas para possibilitar a maior usabilidade
da educação.

 

Você deve estar se perguntando, mas o que é LMS e LXP? Se não sabe, fique tranquilo, este artigo vai te ajudar a entender um pouco mais sobre este assunto, e a conhecer melhor os próximos passos da educação à distância.

 

 

 


 

1. Entendendo o que é LMS
 

LMS ou Learning Management System que em português significa Sistema de Gestão de Aprendizagem nada mais é do que uma plataforma de aprendizagem online onde se administra, se oferece e se acompanha os cursos virtuais através da aplicação de um software.
 

Em resumo: é a escola on line! É a sala de aula de quem aprende pela internet!
A LMS foi desenvolvida para unificar várias soluções educacionais de forma escalada e em um único sistema, possibilitando o equilíbrio entre funcionalidade e facilidade de uso.

 

Uma LMS permite a entrega do conteúdo do curso através de interfaces baseadas na web permitindo, na maioria das vezes, a participação remota do instrutor ou aluno.
 

Mas, o que posso fazer com uma LMS?
 

Com um Sistema de Gestão da Aprendizagem você pode:
- Criar de cursos;
- Publicar calendários de curso;
- Criar e sugerir a interação entre os alunos através de mensagens instantâneas, e-mail e fóruns de discussão;
- Realizar a avaliação de desempenho dos usuários no curso;
- E acompanhar o progresso dos usuários, entre outros.

 

Um aspecto importante é que ela pode ser gratuita ou paga; podendo ser de uso das
instituições de ensino ou do ambiente corporativo (empresarial).

 

Na área educacional a LMS é uma das opções de ferramentas que facilitam o
armazenamento de informações, auxiliando o processo de aprendizagem. Na verdade, as plataformas LMS transformaram a forma com que as pessoas aprendem e ensinam.


 

2. A evolução da LMS
 

O aumento da velocidade da internet e a conexão com celulares possibilitou que
objetos educacionais do e-learning se utilizassem dos vídeos como ferramenta de
aprendizagem. O que até pouco tempo atrás, não era possível. Mais do que isso o
computador deixou de ser o único meio de acesso, pois celulares e tablets passaram a ter uma função primordial na educação à distância, assim como na vida da maioria das pessoas, com isso as plataformas LMS passaram a contar com Apps e versões mobile para serem acessados por smartphones.

 

Seguindo esta evolução, os cursos passaram a ser organizados em trilhas de
aprendizagem para facilitar o desenvolvimento contínuo das pessoas. E com isso
surgiram novas funcionalidades como, por exemplo, o blended learning: a forma de
aprendizagem mais híbrida e social.

 

Estamos vivenciando também a transformação desta ferramenta. Em outras palavras, a LMS que hoje conhecemos já não atende a necessidade dos alunos que estão no mercado. Isto porque, um ambiente único e logado está deixando de ser exclusivo e passando a permitir que a aprendizagem aconteça em qualquer lugar, a qualquer hora e para qualquer pessoa, em diversas formas, fontes e com dosagens experimentai para cada usuário, sobretudo no formato microlearning.
 

Podemos dizer que hoje a LMS se transformou em uma plataforma de experiências e
que contribui para a transferência da aprendizagem para a prática.

 

Na mesma maneira em que a evolução do marketing é a experiência do consumidor
em sua jornada de compra; da experiência do colaborador na sua jornada na empresa; na educação não é diferente em relação a experiência na jornada da aprendizagem.

 

É neste cenário que surgiu a LXP.


 

3. Explicando a LXP e a experiência do aluno LXP ou Learning Experience Platform (Plataforma de Experiência de Aprendizagem) é uma evolução da LMS.


A LXP também é um sistema de aprendizagem online que se aproveita dos aspectos
positivos da LMS e oferece benefícios adicionais, baseados na experiência do usuário, onde as necessidades e expectativas de quem irá utilizar a plataforma são melhor 
atendidas, através de um conteúdo personalizado, com estrutura mais intuitiva e maior possibilidade de interação.
 

Ela veio para atender o dinamismo que a transformação digital, a experiência centrada no usuário e a inteligência artificial trouxeram.
 

O lado positivo é que essas perspectivas possibilitam, por exemplo, a sugestão de
conteúdos aderentes com as expectativas do aluno e a interação social, ou seja, os
alunos podem decidir com qual conteúdo e pessoas eles querem se envolver.

 

É uma forma de aprendizagem ativa e diversificada que impacta diretamente o aluno e a instituição que ele pertence, seja uma escola, uma ong ou uma empresa.
 

O desafio é gerenciar esta experiência e torná-la relevante para o público-alvo. Para
isto é fundamental entender a necessidade de aprendizagem para oferecer a melhor
experiência.

 

Para os próximos passos, podemos fazer alguns questionamento: a LifeLong Learning será predominante? Teremos uma educação sem instituições? A educação será individualizada e exclusiva?
E você, quais perguntas tem para o futuro?

 

Continue lendo nossos artigos, temos certeza que em cada um deles trazemos uma
boa abordagem destes temas.

 

Até o próximo!
 

 

 

Germano Perez Davoli

Insighter, psicólogo e especialista em comportamento
humano, co-fundador da gerandopossibilidades.
Linkedin: https://www.linkedin.com/in/germano-davoli/

 

 

 

 

 

Karina Melissa Cabral

Pedagoga e doutora em educação, designer de aprendizagem.
Linkedin: https://www.linkedin.com/in/karina-melissa-cabral-6b89b154/

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

A Transição da Educação e a Reinvenção da Prática em Sala de Aula

February 12, 2019

1/4
Please reload

Posts Recentes
Please reload

Procurar por tags