Buscar

O que é e quais métodos usar para criar o seu curso online, de A a Z

Vocês não têm aquela sensação de que tudo está muito acelerado? Parece clichê, mas a reflexão me levou a escrever isto. Qualquer informação que buscamos hoje ou aprendemos, no dia seguinte já apareceu outra melhor, que superou esta que havíamos aprendido. E junto com tudo isto estamos nós, trilhando nosso caminho, tentando entender tudo, aprender e reaprender para não ficarmos de fora. Sim de fora, pois em um piscar de olhos se não nos atualizamos, nos sentimos como uma carta fora do baralho, vocês sentem isto?


As escolas tradicionais com aulas somente presenciais sentiram a necessidade de se atualizarem, correm atrás do que não sabiam sobre o mundo de aulas e cursos online.

Neste artigo irei pontuar algumas formas de se iniciar um curso online com indicação de plataformas e falar e pouco de cada uma delas.





A princípio quando pensamos em montar um curso online algumas ideais vêm no nosso pensamento...

  1. Para que público irei falar?

  2. Preciso produzir conteúdo de qualidade.

  3. Será que tenho que ter um alguém responsável pelo marketing?


Definindo qual será seu público alvo, você já encontrou seu nicho de mercado. Por exemplo, meu público alvo são crianças, beleza já ficou mais fácil. Quero produzir conteúdo de qualidade para ajudar professores de educação infantil que trabalhem com língua estrangeira para crianças, ensinando minhas técnicas e passando toda minha experiência ao longo desses anos, já encontrei que conteúdos irei produzir. Depois disto preciso divulgar este trabalho. Como farei?


Se tiver um dinheiro para investir, posso contratar uma pessoa de marketing para me ajudar, ou eu mesma posso fazer, vai depender de suas habilidades para este tópico. Eu, hoje, mesma faço minhas artes, mas adoro o trabalho de um bom profissional de marketing, uso o Canva para me auxiliar e dar aquele up nos meus trabalhos, é um dos meus favoritos. Pronto isto, vamos correr para divulgar e anunciar nossa ideia brilhante para o mundo, para onde vou? Redes sociais, e-mails, grupos de whatsapp, mas sempre cuidando os “overpost” postar muitos “posts” sobre o mesmo assunto não é legal, alias fica até muito chato, mostrando um certo desespero de causa, embora às vezes até seja, mas não podemos demonstrar.


Agora com este primeiro rascunho pronto, surgem outras perguntas... Como irei dar as aulas? Onde irei ministrar minhas aulas? Que plataforma usar? Qual é a mais indicada para o meu curso?

Vamos lá então...

Temos que escolher as plataformas de vídeo conferências e de conteúdo:


  1. Para as vídeos-conferências – Temos o Zoom na versão free, onde permite você convidar até 100 pessoas para participarem da vídeo-conferência, atualmente é o que uso, mas usei muito o Skype. Seguindo a mesma linha temos o Google, que nos traz o Hangout e o Google Meeting, entre outros...

  2. Sala de aula online – Google classroom é uma ótima opção e é uma ferramenta gratuita para professores e alunos, onde disponibilizamos os conteúdos, lá você organiza suas aulas por turmas, ou aulas individuais, pode deixar as tarefas para os alunos executarem, e ainda pode acompanhar se os alunos fizeram o que você pediu, é bastante completo, e fácil de usar.


Uma outra que adoto e gosto muito é o Classdojo, esta plataforma é interessante porque você traz a família para dentro da sala de aula, eles são convidados por email, assim os pais podem acompanhar a aula que foi dada e fazer comentários nos post da aula, funciona como uma comunidade, porém só estará aí quem o professor permitir. Vale muito a pena adotar em sua escola ou com suas turmas, a plataforma possui bastante recursos e os alunos amam.


Muito bem, agora você tem vontade de divulgar seus cursos e vendê-los online, se isto for um desejo fique sabendo que é possível e irei lhe mostrar um caminho fácil. Como fazer isto? Vou te mostrar um deles. Alias, todos que estou descrevendo aqui são só os que já testei. Pois há uma infinidade no mercado, mas para isto, precisamos testá-los, e ver se dão certo, e se eles se adaptam as nossas necessidades.

Vendas do seu curso online:

  1. Coursify.me – Eu testei este, não cheguei a vender ainda, porém tudo que li a respeito me parece ser muito intuitivo e fácil de usar. Você cria sua página como um site e ali fica todas as suas aulas que estarão sendo expostas para venda. Ele vem na versão free, foi a que usei, e dá para fazer muita coisa, alias quase tudo, dependendo de como você quer. Por exemplo, se quer deixar ele com uma cara mais professional o bom é pagar um pouquinho, o que não é nada de muito caro, se você obtiver bons resultados de vendas, porque não pensar a respeito. Na própria plataforma vem tudo muito explicado. O que eu achei interessante é que se você não tem certeza se vai vender seus cursos e não quer investir, aposte tudo na versão free, até para sentir se é isto mesmo que você busca.


Já temos o necessário para poder dar nossas aulas online, dizer que temos um curso online, não falamos em site, mas seu site de vendas poderá ser seu site, sim, se assim preferir. Também poderá ter sua página do face ou instagram ou ainda usar o workplace e convidar as pessoas que assim desejar, para fazer parte de sua rede. Agora lógico, teremos ainda a nossa famosa cereja do bolo, para ser usada nas nossas aulas online.

Alguns recursos para a sala de aula online:


  1. Whiteboard – Este recurso é bastante útil para interagir com seu aluno, eu aconselho usar o Jamboard que é uma das ferramentas do google (este google é maravilhoso para a área educacional). O Web whiteboard é outro que você pode se beneficiar, qualquer um dos dois, são versões gratuitas e tenho certeza que você usará muito em sua aula. Ele serve para os alunos interagirem conosco, desenhar, escrever algo que você pede, fazer um ditado, e muito mais que você vai perceber usando este recurso.

  2. Storyjumper – Um dos meus recursos favoritos, é esta plataforma para criação de histórias, porém o recurso só é disponibilizado em inglês. Os alunos irão se divertir muito criando suas histórias, tem muitas opções dentro desta plataforma. Se você quer contar uma história por exemplo, colocando as imagens de um livro ou outras imagens, poderá fazer isto.


Poderá colocar músicas ou sua voz narrando a história, assim como pode pedir para eles fazerem o mesmo. Esta plataforma também é gratuita. O aluno criará seu livro, e só se o livro for impresso é que terá um custo, e também não é nada demais, custa $3,89 dólares cerca de R$ 20,00 para ter o livro de capa dura, mas se ficar na plataforma você pode disponibilizar o link para as pessoas verem os livros criados de seus alunos e ainda fazerem comentários. Você também pode convidar professores para assistirem e comentarem as histórias de seus alunos.



3. Quizlet – É outra plataforma super interessante que você pode criar flashcards, jogos e explorar a imaginação de seus alunos.


Teria muito mais dicas a dar, mas infelizmente o tempo acabou, acredito que com estes passos você estará bem assessorado em sua sala de aula ou curso online, lembrando que precisamos estar sempre buscando por informações e nos atualizando, mas agora você só precisará continuar trazendo as “cerejas” do bolo, assim, sua sala de aula online estará sempre renovada e o desejo por aprender nunca acabará.


Forte abraço a todos os inquietos por uma educação melhor e de muita qualidade!





Marisa Cleff

English and Spanish Teacher

Pós-graduanda em Metodologia para Educação Bilíngue

https://www.linkedin.com/in/marisa-cleff-57762894/



Receba  informações sobre aulas e conteúdos por e-mail

  • Grey Facebook Ícone
  • Grey Instagram Ícone
  • Grey Pinterest Ícone
  • Ícone cinza LinkedIn